Saúde do homem

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Alessandra Paula Nunes

O panorama está mudando, mas os homens, em geral, preocupam-se menos com a saúde do que as mulheres. Por esse motivo, apresentam maior vulnerabilidade às doenças cardiovasculares, além de apresentar expectativa de vida menor, conforme dados levantados pelo Ministério da Saúde. Esse é um quadro que pode ser alte­rado, com a adoção de bons hábitos alimentares e a prática regular de exercícios físicos, o que também colaboram para a manutenção da saúde e perda de peso.

Pensando no mês que se comemora o dia dos pais, sugiro que comecemos com as mudanças na alimentação, tentando incluir os alimentos abaixo sempre que possível na rotina diária:

1 - Vegetais verde-escuros: como couve, rúcula, espinafre, brócolis e agrião. São fontes de vitaminas A, C e K, além de possuírem flavonoides, têm efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios.

2 - Aveia: Contém glucana, um componente da fibra alimentar solúvel, com propriedades funcionais que são muito importantes na prevenção do diabetes e do colesterol alto.

3 - Azeite de oliva: grande aliado no equilíbrio do colesterol total, ajudando a aumentar o HDL, colesterol que em níveis adequados ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, porque ele traz ácidos graxos monoinsaturados em sua composição. Não vale abusar: 1 colher (sobremesa) para cada refeição é mais do que suficiente.

4 - Semente de girassol: fonte de nutrientes importantes como a vitamina E, importante antioxidante prevenindo danos causados por radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento precoce e pelo aumento da incidência de vários tipos de cânceres.

5 - Suco de uva integral: ajuda a controlar a pressão arterial, o colesterol e auxilia na prevenção do câncer. É rico em polifenóis, flavonóides e antocianinas, substâncias que contêm antioxidantes que eliminam radicais livres e relaxam os vasos sanguíneos.

6 - Tomate: contém licopeno, substância antioxidante responsável pela cor avermelhada das hortaliças e frutas, ele auxilia na redução do risco de câncer de próstata. Para a ação da substância é importante que o tomate esteja cozido. O molho de tomate é uma boa opção.

Esses alimentos devem ser fazer parte de alimentação equilibrada, que contenha todos os grupos de alimentos. Lembrando que toda comida deve ser consumida com moderação, dentro de um plano alimentar personalizado e individual. A busca por melhor qualidade de vida não pode ser solitária. Pedir o auxílio de profissionais qualificados será um caminho mais fácil.




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados